Parte da Igreja em Pernambuco

Recife, Paulista, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Igarassu, Caruaru, Goiana, São Lourenço, Condado, Barra de Sirinhaém, Juripiranga e outras cidades circunvizinhas.

“Digno és, Senhor, de receber glória, e honra, e poder; porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade são e foram criadas.” Ap 4:11

Convertendo os Nossos Corações - Enc. Casais Abril/2015

21-04-2015 16:00

Convertendo os nossos corações

Encontro de Casais - Presbitério em Recife - 21/04/2015

Digno és, Senhor, de receber glória, e honra, e poder; porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade são e foram criadas.” Apocalipse 4:11

Amados, quanto prazer em estarmos aqui?

Temos consciência da importância e responsabilidade em ter um lar?

Pra mim, é sempre um desafio, uma tarefa árdua mas prazerosa compartilhar sobre “família”.

Quero começar abordando com vocês o tema do encontro passado... “A presença de Cristo em nosso lar

A carga que veio ao nosso coração para este encontro é baseado nos textos de Malaquias e Lucas:

Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível Dia do SENHOR; ele converterá o coração dos pais aos filhos e o coração dos filhos a seus pais, para que eu não venha e fira a terra com maldição.” Malaquias 4:5-6

 

Pois ele será grande diante do Senhor, não beberá vinho nem bebida forte e será cheio do Espírito Santo, já do ventre materno. E converterá muitos dos filhos de Israel ao Senhor, seu Deus. E irá adiante do Senhor no espírito e poder de Elias, para converter o coração dos pais aos filhos, converter os desobedientes à prudência dos justos e habilitar para o Senhor um povo preparado.” Lucas 1:15-17

Aqui, quero aproveitar e dizer que nossos corações se convertem todos os dias, temos que estar sempre nos voltando para Ele.

  • Quando olho pra nossas casas, fico pensando:

O que os meus filhos veem em minha vida conduz eles para Deus?

Tenho expressado no meu lar a vida que prego?

Meu trato com meu cônjuge e com meus filhos revelam minha intimidade com Deus?

O que estamos ensinando? Nossa vida ou Nosso discurso?

Qual o nosso padrão? Reino ou apenas Moral?

O que está faltando? Quebrantamento ou impecabilidade?

O que na nossa casa não coopera com o propósito de Deus?

1) Quando não vivemos o padrão da palavra de Deus

# Marido - Vou destacar apenas uma característica nesse desafio que te é proposto:

Ser Sacerdote... e o que faz um sacerdote?

Intercede, se coloca na brecha, clama, proclama, profetiza, se santifica em favor,

A Palavra diz em Colossenses 3:19: “Maridos, amai vossa esposa e não a trateis com amargura

Em Efésios 5:25 diz que os “Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela”, e em

1 Pedro 3:7 “Maridos, vós, igualmente, vivei a vida comum do lar, com discernimento; e tendo consideração para com a vossa mulher como parte mais frágil, tratai-a com dignidade, porque sois, juntamente, herdeiros da mesma graça de vida, para que não se interrompam as vossas orações

Amado, Deus te colocou num lar como marido? Então deves ser o SACERDOTE!

O Senhor te deu responsabilidades, e muitas vezes transferimos ela para a igreja, para os discipuladores, para os obreiros... você é o SACERTOTE!!

Alguns dizem, “mas eu não sei amar...” o Amor de Deus está derramado em teu coração pelo Espírito Santo (Romanos 5:5)

O que precisas mesmo é obedecer à palavra do Senhor, é ter responsabilidade com teu chamado: É amar como Cristo ama a Igreja.

As dicas ou orientações já estão claras:

é não tratar com amargura / é se entregar por ela / é discernir no convívio /

é ter consideração / é tratá-la como dignidade.

# Esposa - Vou destacar apenas uma característica nesse desafio que te é proposto:

Ser uma mulher Submissa

Primeiro isto não é uma ideia minha, não criei a bíblia, não produzi nada...

Os textos são claros: Efésios 5:22-24, 33 / Colossenses 3:18 / 1 Pedro 3:1-7

Amada, você quer tua luz brilhando?

Quer fazer diferença no teu relacionamento com teu esposo?

Não lute contra a orientação do Senhor, pois Ele te DESAFIA...

SEJA UMA MULHER SUBMISSA, DE ESPÍRITO MANSO E TRANQUILO, UMA MULHER QUE QUER e vai AGRADAR AO SENHOR!!

Minha orientação para ti é que possas cooperar com a vontade do Senhor servindo tua casa e teu esposo, como ao Senhor e possas demonstrar amor e submissão respeitando seu marido.

# Pai - Vou destacar apenas uma característica nesse desafio que te é proposto:

Ser exemplo... de amor, de serviço ao Senhor, de generosidade, de santidade, de paciência, de perdão,

A Palavra diz:

E vós pais, não provoqueis vossos filhos à ira, mas criai-os na disciplina e na admoestação do Senhor” Efésios 6:4 e em

Colossenses 3:21 “Pais, não irriteis a vossos filhos, para que não fiquem desanimados”.

Quantos pais tem provocado os filhos à ira? Quantos pais tem irritado seus filhos?

# Mãe - Vou destacar apenas uma característica nesse desafio que te é proposto:

Ser uma mulher de Oração, uma Intercessora.

Primeiro isto é um mandamento e direção do Senhor para todos...

Todos devem orar sem cessar (1 Ts 5:17)

Orar é uma questão de sobrevivência...

Mas as mães são fantásticas, tem um coração como o do Senhor, são sensíveis, são doadoras, são comprometidas... Deus te levantou querida, seja uma intercessora, sei que é um desafio...

Deus separou um texto específico para ti:

Todavia, será preservada através de sua missão de mãe, se ela permanecer em fé, e amor, e santificação, com bom senso.” 1 Timóteo 2:15

Deus quer te usar, quer te abençoar, quer manifestar sua glória através de tua vida também, você é importante e diferenciada.

Deus te deu a oportunidade de gerar, de parir, de amamentar, você é instrumento na vida de teu filho (a)

O Senhor te DESAFIA... SEJA UMA MULHER DE ORAÇÃO, não de falação hehehe

O que na nossa casa não coopera com o propósito de Deus?

2) Quando a autoridade máxima não é Cristo

Jesus é o cabeça, a autoridade sobre tua vida e teu lar?? Se sim, tudo o que vimos acima está claro e deve ser obedecido.


 

O que na nossa casa não coopera com o propósito de Deus?

3) Quando não há humildade, amizade e santidade

Sermos humildes não é uma opção, mas uma condição... Mateus 11:29-30 e aqui Jesus, nosso modelo e mestre, nos ensina o que precisamos fazer... aprender com Ele.

Amizade, você sabe o que é?

Amizade é a relação afetiva entre os indivíduos. É o relacionamento que as pessoas têm de afeto e carinho por outra, que possuem um sentimento de lealdade, proteção etc.

E por último, quando em nossa casa não há santidade, santificação, pureza...

Amados, o que vemos, o que ouvimos, o que falamos, o que fazemos vai ser copiado por nossos filhos, eles aprendem vendo, ouvindo, imitando.

Precisamos mostrar com nossa vida o que eles precisam para a deles.

Amém! Que o clamor do coração do Senhor chegue à nós!

O que precisamos mesmo é rasgar nossos corações e não apenas as nossas vestes.

Deverão ser dias de choro, de clamor, de nos voltarmos para as nossas casas, para nosso relacionamento com os nossos.

Amar o próximo e quem é mais próximos do que os nossos?

Jesus espera nossa atitude, nossa postura, nossa conversão.

Quero orar por aqueles que precisam tomar uma atitude...

Orar por aqueles que acreditam que em suas casas o milagre vai chegar, que Deus vai capacitar e que você vai priorizar teu relacionamento com tua esposa, teu marido, teu filho, tua filha... você vai se humilhar, vai se entregar... a glória de Deus vai ser visível em tua casa!!!

Segue também uma palavra do Ivan Baker sobre criação de filhos, me fez muito bem. (Download Aqui)

Como aqueles que estão nessa caminhada, Carlsberg & Gilma - Abril/2015